PT promoverá cúpula entre governo e movimentos sociais

O PT vai promover nos próximos meses um encontro entre representantes do movimento social e do governo para discutir políticas a serem implementadas neste final do segundo mandato do presidente Lula.

O encontro terá formato de cúpula de dirigentes. A idéia é que participem dele 40 membros do governo e 60 da sociedade. Os representantes do governo serão de alto escalão, ou seja, terão de ter autonomia para bancar os acordos ali firmados.

A idéia do PT é que se busque no encontro o máximo de sinergia para que o maior número de ações ainda possam ser implementadas no período Lula.

Quanto ao que ficou por fazer, a intenção é que se torne agenda para um próximo mandato do chamado campo popular.

Não é exatamente um blogue da Petrobras, mas a proposta tem potencial para deixar a mídia corporativa e a oposição maluquinhas.

Nenhum comentário: