Lula: “com lei atual do petróleo o país recebe uma bagatela”

O presidente Lula afirmou, na terça-feira (14) na cerimônia de inauguração das obras de reurbanização da área de Ponta Verde e Jatiúca, em Maceió-AL, que "o pré-sal foi a grande descoberta de petróleo desse começo de século no mundo". "E o Brasil", disse, "teve a oportunidade de descobrir a seis mil metros de profundidade jazida de petróleo com possibilidades de uma reserva extraordinária de petróleo de qualidade".

Lula defendeu mudanças na atual lei do petróleo, instituída na administração FHC. Para ele no atual regime de concessão as empresas que vencem os leilões retiram petróleo a um custo que varia de US$ 5 a US$ 15 o barril e vendem a US$ 70. "Do jeito que é hoje, a empresa nos paga uma média do valor dele lá embaixo, e quando chega lá em cima, é tudo da empresa, é tudo... E ela paga para nós uma bagatela de royalties", denunciou.

"Então", prosseguiu Lula, "nós, agora, queremos mudar. Vamos mandar a discussão para o Congresso Nacional, e nós queremos que o petróleo seja nosso lá embaixo e seja nosso lá em cima, porque é quando ele está em cima que ele tem valor", apontou. "Nós queremos discutir qual é a parte que fica para nós. Nós somos donos do petróleo. Nós temos uma empresa de alto conhecimento tecnológico, que é a Petrobras. Então, nós temos a faca e o queijo, e como estamos com fome, vamos comer, vamos comer", afirmou.

"E vamos ver como é que se comportam aqueles que outro dia queriam privatizar a Petrobrás. Vamos ver. Teve gente que chegou a falar: "Nós precisamos nos desfazer do último paquiderme brasileiro, que é a Petrobras". Então, esse paquiderme agora é nosso, e nós vamos cuidar do paquiderme com um carinho extraordinário, como se fosse a coisa mais inteligente do mundo", completou o presidente.

Xerox : : Hora do Povo

Nenhum comentário: