"Cadê a puliça, cadê a lei ?"(1)

Nenhum comentário: